1 / 0

News construtora jn

News construtora jn

Cadastre seu e-mail e fique por dentro
das novidades da Construtora JN

5 elementos que despertam a sensação de aconchego no lar

Conforto e aconchego em casa

Tempo de leitura: 4 minutos

Em um ambiente residencial, sem dúvida o conforto é um dos diferenciais que mais contribuem para o bem-estar dos moradores.

A escolha dos elementos que compõem os interiores é determinante para agradar os sentidos e despertar a sensação de aconchego a cada instante. Confira alguns fatores essenciais.

Sensação de aconchego com revestimentos

Nos interiores, diversas opções de revestimento contribuem para a sensação de aconchego. Materiais como tijolo maciço, por exemplo, são ideais para manter os espaços aquecidos graças à sua alta inércia térmica.

Revestimentos de madeira também contribuem significativamente para a manutenção de temperaturas aconchegantes nos interiores, devido à sua baixa condutividade térmica – além dos tons de cor do material, que conferem aos ambientes uma sensação visual de aquecimento.

Por outro lado, revestimentos como porcelanatos e cerâmicas reduzem os efeitos das altas temperaturas por causa de sua boa condutividade térmica, mantendo-as mais frescas. Nas salas, cozinhas e banheiros do A.I.R. Cabral, essa vantagem é ampliada com a elegância e sofisticação de peças que ressignificam o concreto em seu estado aparente.

Projeto lumínico

Iluminação para melhorar o aconchego no lar

O projeto lumínico também é capaz de contemplar os interiores da casa com a sensação de aconchego. Luzes amarelas, por exemplo, estimulam o relaxamento e o descanso, colaborando durante a noite para a regulação do relógio biológico.

Luminárias pendentes, spots embutidos e focos de luz também agregam uma atmosfera intimista e aconchegante aos espaços. As luminárias de piso exercem função semelhante, tornando ambientes de lazer e descanso mais acolhedores.

Paleta de cores

A psicologia das cores demonstra como é possível, por meio da aplicação das cores, despertar sentimentos diversos nos ocupantes de ambientes.

Optar por uma paleta de cores quentes é uma das alternativas para tornar os interiores mais harmoniosos e aconchegantes. Além de aquecerem visualmente o ambiente, tons como laranja, amarelo e vermelho são associados a energia e movimento.

Esses tons tendem a funcionar melhor em espaços de convívio, como a cozinha e a sala de jantar. Cores neutras, por sua vez, como branco, bege e cinza, geram a sensação de amplitude, frescor e harmonia visual, sendo mais apropriadas para áreas íntimas.

Texturas

Mantas e almofadas para aconchego em casa

Outra maneira de conferir mais conforto aos espaços é por meio de texturas. O tato está altamente associado à sensação de aconchego – e é desse aspecto que se ocupa o design sensorial.

Móveis estofados, puffs, almofadas e mantas são peças essenciais em um lar que estimula a sensação de aconchego nos ocupantes.

Por sua vez, tapetes, cortinas e materiais em crochê também são itens fundamentais para reter calor, proporcionar contato com texturas macias e criar uma atmosfera acolhedora.

Sensação de aconchego por meio de aberturas

O conforto térmico, anteriormente mencionado, é um dos fatores centrais no estímulo da sensação de aconchego e do desejo de permanência em um ambiente.

Plantas abertas, vãos, aberturas e a predominância de janelas são essenciais para tornar os ambientes mais frescos e agradáveis, por meio da ventilação cruzada e da incidência de luz solar, por exemplo.

No A.I.R. Cabral, janelas, varandas, sacadas e terraços permitem a recepção plena de iluminação natural e ventilação. Tais fatores tornam seus interiores mais confortáveis termicamente e elevam a sensação de aconchego a cada instante.

Leia mais: Construções verdes levam Brasil a 5º lugar em ranking mundial

Fonte: Revista Casa e Jardim, Archtrends e Todeschini

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será compartilhado. campos marcados com * são obrigatórios.